Férias Macabras (Pt.5) -Trash

wine_58493884

Por Lillith Orleander e Mille Meiffield

LUCAS

Escutamos os gritos de Lucas e a correria que vinha do porão. Eu já estava meio alta e não consegui entender se era alguma brincadeira sem graça ou se eu de fato estava enxergando certo.

Cley estava sujo de sangue, enquanto Lucas era socorrido por AJ e Nat que estavam mais perto, o cheiro de ácido pairou no ar, me levantei devagar de onde estava e fui na direção dos meninos.

Cley parecia ter visto um fantasma. Estava em choque. Luca só chorava e gritava. AJ me olhou e pareceu preocupado, decidimos descer ao porão.

Continuar lendo “Férias Macabras (Pt.5) -Trash”

Férias Macabras (Pt. 4) [+18]

fm

Por Mille Meiffield e Lillithy Orleander

AJ

Natasha estava jogada no corredor, perto da porta do quarto da Naia. Seu rosto parecia estar molhado, uma garrafa de tequila estava a seu lado.

– Fazendo o que aí, “cabelinho”*?

– Se a Naia não queria nada comigo, não precisava sumir, bastava dizer a verdade e pronto. Não sou idiota!

– Ei Romanoff calma! Para de palhaçada, a Nai gosta de você. – É, eu sei que gosta, mas não sei o quanto.

Abeixei e me sentei a seu lado. Fiquei ali quieto, esperando ela terminar de chorar. Eu não tinha paciência para mulheres chorando, mas alguma coisa me manteve ali.

Continuar lendo “Férias Macabras (Pt. 4) [+18]”

Férias Macabras (Pt. 3) [+18]

pt 4

Por Mille Meiffield e Lillithy Orleander 

 

GABI

Daia estava cismada que alguma coisa ruim estava acontecendo, mas eu não queria saber de nada. Estava livre, leve e solta. Feliz pela primeira vez. Percebi certos olhares do AJ, mas não quero ninguém por um bom tempo. Já sofri o suficiente para querer me curtir um pouco e botar meus contos em dia no blog.

Abri meu notebook e deixei meus dedos dedilharem o teclado até que as palavras soltas formassem uma história. Terminei alguns capítulos e o sono me venceu. Coloquei o notebook de lado, puxei o edredom e fechei os olhos…

Continuar lendo “Férias Macabras (Pt. 3) [+18]”

Férias Macabras (Pt. 2) [+18]

Escrito por Mille Meiffield e Lillithy Orleander

nai

NATASHA

O gosto do beijo da Naia era diferente, era doce, quente. A boca dela era diferente. Era diferente porque era ela. Eu sabia que não devia, mas acabei me apaixonando.

Estava começando a me preocupar, Mille havia ido embora sem falar com nenhum de nós e agora o Saul saiu e ainda não voltou. Ele já devia ter voltado para a sala.

A taça de vinho dele ainda estava cheia. Naia havia ido à cozinha pegar mais uma garrafa de vinho. Não sei o que eu vi nela, mas ela é especial…

– Atrapalho alguma coisa? – perguntou

Continuar lendo “Férias Macabras (Pt. 2) [+18]”

Férias Macabras (Pt. 1) [+18]

Por Mille Meiffield e Lillithy Orleander

 

macabras.jpg

 

DAIANA

Sei que estava de férias, mas o hábito de levantar as cinco da manhã às vezes me perseguia, hoje era um desses dias. Levantei faltando cinco minutos para as cinco. Mille também acordava cedo, mas acho que resolveu dormir um pouco mais hoje.

Liguei a cafeteira, lembrei que Luca é do tipo que não vive sem café e sem ele, ele fica de péssimo humor. Preparei um chocolate quente com canela, peguei uma xícara e fui ler na varanda dos fundos. Estava frio, mas como estava envolta em um edredom e com o chocolate  quente nas mãos, me mantive aquecida. O dia começava a clarear, o céu carregado de nuvens. Acordei assustada com o barulho da porta batendo. Cochilei enquanto lia. AJ e Clay saíram da casa e vieram sentar ao meu lado.

Continuar lendo “Férias Macabras (Pt. 1) [+18]”