Amy Bradley e o Fantasma do Lenhador [FINAL] – Sangue por Redenção

tumblr_m3rjpyrlsY1rtxxano1_500

 

Corri até chegar no campus. O coração batia tão forte que parecia querer saltar do peito. Respirei fundo quando cheguei a um local um pouco mais movimentado, afinal, não poderia parecer uma completa louca, né?

Recompus meu cabelo o melhor que pude e segui para o outro lado do campus, à nordeste, onde ficavam as repúblicas universitárias de Painville. Não foi difícil encontrar a casa da Ângela, primeiro andar, fachada branca e lilás (garotas estranhas essas!), um caminho de pedras com flores bem cuidadas e alguns carros na calçada. Subi os batentes para a varanda saltando e bati à porta.Uma menina abriu, pareceu bem distraída com seu iPod, mas ao me ver arregalou os olhos. Continuar lendo “Amy Bradley e o Fantasma do Lenhador [FINAL] – Sangue por Redenção”

Amy Bradley e o Fantasma Lenhador [Parte 2]: Escombros Fantasmagóricos

hole,trapped,escape,girl,in,looking-f4cc0c4d69c1a16d225a363d959a5da1_h

Amy

Esta não é uma situação muito confortável. Vejam bem, estou acostumada em chegar aos fantasmas e perguntar o que os atormentam. Mas chegar numa pessoa atormentada por um fantasma? Por favor! Eu mal falo com o meu irmão, quiçá com mais uma das namoradinhas dele! Porém, há algo estranho nessa história, algo diferente, que me chamou a atenção e me fez chegar a esse ponto: interagir com a garota.

Talvez tenha sido o jeito desesperado dela, os soluços intermináveis ou o fantasma esquisito, maltrapilho, todo barba e pelos, com um machado cheio de sangue e um olhar que não era NADA assassino. Ele a encarava com súplica, quase como se quisesse lhe implorar algo. Mas a menina estava tão atordoada com a visão que sequer percebeu isso. Continuar lendo “Amy Bradley e o Fantasma Lenhador [Parte 2]: Escombros Fantasmagóricos”

Amy Bradley e o Fantasma Lenhador [Parte 1] – O Espírito Suplicante

tumblr_leyvbe9xYp1qd6icvo1_500

Amy Bradley e o Fantasma do Lenhador – Crossover

Escrito por Saul GuterresGabi Waleska

 

A cidade de Jacksonville possui várias cidades distritais, a maioria comerciais e universitárias, entre elas, há uma chamada Painville*, a qual sempre foi alvo de muitos mistérios para seus moradores. Todos cresceram ouvindo histórias de fantasmas, assassinatos, seriais killers que por ali viveram. Mas a mais intrigante era a casa do “Lenhador”, que ganhou este nome por se tratar de um homem que matou sua esposa e filhos com golpes de machado e depois se suicidou. Porém ninguém jamais soube o que de fato ocorreu naquela casa, alguns contavam que ele chegou um dia em casa e viu sua esposa com seu melhor amigo na cama e em um ataque de fúria matou a todos. Outros contam que ele apenas teve um surto psicótico e atacou sua família, outros diziam que foi a própria mulher que o matou. Qual história era verdadeira? Ninguém sabia. Só o que todos sabiam é aquela casa era assombrada por um homem com um machado na mão, e matava qualquer um que entrasse em sua casa. E embalados por essas histórias muitos adolescente se aventuravam por ali. Continuar lendo “Amy Bradley e o Fantasma Lenhador [Parte 1] – O Espírito Suplicante”