No que você está pensando? – Curtir

curtir

Escrito por: Zuleika Juliene

  Sheila acordou ainda meio zonza com o ocorrido do dia anterior, abriu os olhos e sentiu um choque por conta da luz azul piscando em seu celular anunciando que havia alguma postagem em sua rede social, ela não quis verificar de imediato, então apenas pegou o aparelho e foi para o banheiro. Sentia-se culpada pelo ocorrido com a vizinha, pois a coisa tinha sido feia e talvez se ela tivesse avisado Bianca não estivesse da maneira como estava, mas a verdade é que tudo lhe soava muito estranho, ela não sabia responder se havia tido uma visão ou talvez uma alucinação, sentia-se triste e confusa. Ela tinha receio de comentar entre as amigas e estas as taxarem de louca, tinha praticamente certeza que sua família não a compreenderia, então preferiu calar-se.

  Sabe? Às vezes precisamos esvaziar a mente e remover algumas coisas que sabemos que não há como voltarmos atrás, não há como consertar. E foi isso que Sheila decidiu fazer, não pensar mais no assunto, pois não havia nada que ela pudesse fazer uma vez que tudo já estava feito.

  Seguiu sua rotina diária, então ainda no café foi conferir suas mensagens. Ao entrar em sua rede social viu que havia sido marcada em uma postagem que mais de trezentas pessoas haviam curtido. A postagem falava sobre uma mulher desaparecida, Sheila passou rapidamente o olhar sobre a moça do post sentindo um calafrio daqueles que apenas sentimos quando a febre está bem alta. Era sua supervisora, e por mais que todos a odiassem, ninguém queria vê-la desaparecida pela mão de um sequestrador, quem sabe até um estuprador… Ela rolou a barra pra ver se havia algum comentário, mas não havia, porém percebeu que alguns colegas de seu trabalho haviam curtido, a Clara, a Tânia, o Leo, o Clovis,…O Clovis? Sheila sempre havia pensado nesta questão, quem curte uma desgraça é porque se solidariza ou porque vibra com o ocorrido?

  Clovis era aquele tipo de funcionário que só faltava estender um tapete vermelho para a chefe, estava com o trabalho sempre adiantado e se fosse preciso te dedurava para manter o bom funcionamento da empresa, ou seja, todos o detestava tanto quanto detestava Glória, a supervisora.

  Sheila nem terminou de tomar seu café, saiu apressada como quem vai tirar o pai da forca, porém ao chegar ao serviço a primeira pessoa com quem trombou foi Glória.

  Sem saber o que fazer ela apenas abraçou a chefe que tomou o maior susto, pois sabia a sua fama dentro da empresa, Sheila soltou a mulher e correu para sua mesa aproveitando para enviar mensagens para os colegas que haviam curtido a postagem fazendo-lhes perguntas. Muitas pessoas disseram não saber do que ela estava falando e Leonardo a advertiu que poderia ser um vírus.

  Sheila concordou com a hipótese do amigo e deixou o assunto para lá, pois todos os outros haviam dito não ter curtido nenhuma postagem semelhante.

  Após alguns dias Sheila chegou ao trabalho e a primeira coisa que ouviu foi à notícia de que a supervisora não havia ido trabalhar, ela achou aquilo muito estranho, pois Glória não faltava nunca.

O gerente já havia ligado para todos os contatos da funcionária, porém nenhum atendia então ele decidiu esperar que ela entrasse em contato e pediu que todos voltassem ao trabalho.

  No dia seguinte ao chegar ao trabalho Sheila viu o marido de Glória aos prantos conversando com o gerente e logo Leo foi lhe contar que Glória havia desaparecido.

Continua

3 comentários em “No que você está pensando? – Curtir

Gostou? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s