A Queda

Um Conto de A.J. Perez

space_battle_scene_by_solracsevla-d6yygt2.jpg

O gigantesco cruzador Thunder-Flame de 5ª Geração da A.G.F. irrompeu na órbita do planeta Khaidenar VI no sistema Obalarion segundos depois de ter alcançado aceleração FTL.

Tamanha velocidade na resposta do pedido de socorro da colônia veio graças ao cruzador estar em translado a poucos milhares de quilômetros dali. Caso estivesse muito distante, precisaria se utilizar de um dos portais de transdobra-temporal para romper o espaço-tempo e chegar ali o mais rápido que pudesse como os protocolos de segurança mandavam.

Assim que a espaçonave desacelerou, os computadores de bordo trataram de liberar a crioestasis da tripulação. As comportas se abriram no instante em que a descarga de adrenalina foi injetada remotamente em todos os tripulantes, os acordando aos solavancos. Aquela era a única maneira de viajar a velocidades próximas ou superiores
à da luz e sobreviver uma vez que a radiação no espaço era demasiadamente alta.

Continuar lendo “A Queda”

Dia 24… – Explicações

25

Por L. Orleander 

Enrolei – me na toalha e fiquei olhando o celular tocar, sem saber se atendia ou não, acho que aquele não era um bom momento. Desviei a ligação e esperar um tempo pra responder. Carlos não tinha culpa, mas não achava justo passar aquilo adiante.

Comecei a desfazer a mala e aos poucos eu começava a aceitar que as lembranças viessem, frias, amargas, parecendo fel correndo em minha veia e completas finalmente. Continuar lendo “Dia 24… – Explicações”

Retaliação

Retaliação

x

re·ta·li·a·ção: 1. Reagir a uma agressão com uma ação semelhante.

x
alerta de gatilho: violência doméstica
x

A jovem se agigantava em frente à Torre de Babel, enquanto humanos minúsculos se ajoelhavam ante um homem de vestes pomposas. A cópia da pintura a óleo de Pieter Bruegel costumava passar despercebida durante suas sessões de terapia com a Dr.ª LeFurgey, mas naquela consulta em especial, viu-se dedicando alguns minutos de contemplação ao quadro. Continuar lendo “Retaliação”

Torre de Pedra – Nivanír

nivanir

Por L. Orleander

Amelie receberia Mikaela como quem recebesse uma filha de volta ao lar e desejava profundamente que aquela fosse a mulher certa para gerar herdeiros e fazer de Edgar um homem feliz. Ela precisava disso. O reino precisava disso, mas a ida da princesa foi um fracasso…

A chegada a Nivanír foi tranquila a olhos vistos, Mikaela assistia o castelo ganhar forma ao longe e a pedra negra sugar os raios de Sol para refleti – los de forma pálida.

– Bem vinda a Torre de Pedra! – disse Edgar efusivo. Mikaela apenas ficou calada e sentiu o aperto no peito. O vento sussurrava em seu ouvido uma tragédia, cada parte de seu corpo anunciava isso, era raro, mas quando ela sentia, acontecia…

Continuar lendo “Torre de Pedra – Nivanír”

Dia 23… – Amigos

23

Por L. Orleander

Confesso que fiquei tentada a dar um passo adiante, mas J. P parece ter tido a mesma idéia.

Os lábios dele tocaram os meus e algo em mim rugiu ferozmente, gritando para fugir dali e correr o máximo que eu podia, era a sua sombra se avolumando sobre mim novamente. Me afastei delicadamente e ele apenas sorriu um riso confuso, me pedindo desculpas. Continuar lendo “Dia 23… – Amigos”